Notícias

Empresário acusado de atirar contra veículo de Kátia Born tem prisão convertida em preventiva pela Justiça

Por Redação / Com GazetaWeb
fevereiro 2, 2024

O empresário Carlos André César de Miranda, de 56 anos, que foi preso após atirar contra o veículo da secretária de Estado de Assistência Social, Kátia Born, e da companheira dela, a professora Mara Ribeiro, Pró-Reitora de Pesquisa e Pós-Graduação da Uncisal, teve a prisão em flagrante convertida em preventiva pela Justiça nesta sexta-feira (2), mantendo a medida cautelar contra o acusado de crimes.

O homem, que é vizinho da secretária, foi preso, na noite dessa quinta-feira (1º), por equipes da Operação Policial Litorânea Integrada (Oplit) e do Tático do Core (Coordenadoria de Recursos Especiais), sendo autuado na Central de Flagrantes, pelo delegado plantonista Antônio Carlos Machado.

Um inquérito policial foi instaurado para apurar a conduta do suspeito, que foi preso com uma arma de fogo, mas alegou ter sido o pai dele o responsável pelo disparo que atingiu o veículo da secretária.

Além do atentado, a secretária informou estar sofrendo uma série de ameaças e ataques homofóbicos nas redes sociais, vindos do suspeito, desde dezembro do ano passado. Outros políticos do Estado também já foram citados por ele, sempre em vídeos compartilhados nas redes sociais.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fale conosco

Rua José Pinto de Barros, Nº  26
 Centro
Palmeira dos índios - AL

E-mail: siteagresteagora@gmail.com

linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram