Notícias

JANEIRO BRANCO: No enfrentamento do câncer é necessário também cuidar da saúde mental

Por Redação
dezembro 28, 2023

O diagnóstico de um câncer pode afetar os sentimentos e as emoções de quem enfrenta a notícia. Medos, inseguranças e incertezas brotam. Dormir passa a ser difícil. Problemas com a balança, ansiedade, estresse e angústia se agravam. Contra tudo isso, o acompanhamento psicológico pode ser a solução. É o que defende a psicóloga Antonísia Ribeiro, da Oncoclínica Alagoas.

“É normal a fase do sofrimento, o que não podemos é estendê-la e não focar na superação da doença. Câncer não é sinônimo de morte, por vezes é o que a pessoa precisava para uma nova vida! Por isso, é importante que o indivíduo se perceba nesse contexto e encontre caminhos que o levarão à vitória, a renovação da vontade de viver”, afirmou a psicóloga.

Mesmo após a cura, há quem ainda encontra dificuldade com a autoestima, com o fortalecimento da saúde mental. A campanha Janeiro Branco é um convite para a valorização do novo, do que existe de melhor, da expectativa por momentos de alegrias que estão por vir. A ordem é deixar o sofrimento no passado e encontrar motivações que sirvam como combustível para a felicidade.

“Perder os cabelos, os seios, ou precisar conviver com qualquer outra limitação pode se tornar secundário quando o indivíduo entende que está vivo, curado, amparado, incluso, amado. É um novo contexto sim, mas que poderia nem existir. Existe! Então, é preciso mirar em tantas coisas boas que tem para viver e, assim, não deixar passar os momentos que podem ser muito felizes”, atentou Ribeiro.

Após a conclusão de cura, a oncologista clínica Patrícia Amorim recomenda que o seu paciente retorne com regularidade ao consultório do seu especialista para continuidade do acompanhamento preventivo. Com esse hábito, alinhado a outros saudáveis, a recidiva, que é o reaparecimento da doença, passa a ser mais difícil, ou, se houver a possibilidade de acontecer, receberá o tratamento precoce.

“Se o check-up é importante para todos, ele é ainda mais necessário para quem já venceu o câncer. Além disso, a recomendação é seguir a vida respeitando as suas limitações, eliminando vícios, optando por uma dieta saudável, pela prática de atividades físicas e um ambiente mais tranquilo, cercado de amor”, acrescentou a médica.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fale conosco

Rua José Pinto de Barros, Nº  26
 Centro
Palmeira dos índios - AL

E-mail: siteagresteagora@gmail.com

linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram