Notícias

Policial militar condenado a 24 anos de prisão é expulso da corporação

Por Redação com gazetaweb
janeiro 30, 2024

O Comando-Geral da Polícia Militar de Alagoas expulsou da corporação o 2º sargento Manoel Felipe Júnior. Ele é condenado pelo crime de latrocínio que teve como vítima o suposto traficante João Pereira da Silva, mais conhecido como ‘Joãozinho’. A expulsão foi divulgada no Boletim Geral Ostensivo do órgão dessa segunda-feira (29).

Segundo o documento, Manoel Felipe foi expulso após ser condenado a 24 anos e oito meses de reclusão por integrar organização criminosa e participar do latrocínio, que ocorreu em 9 de dezembro de 2017, na cidade de Colônia Leopoldina.

Em setembro de 2023, a Justiça de Alagoas condenou, além de Manoel Felipe Júnior, os policiais militares Tiago da Silva Duarte e Marcelo Acioli Costa.

Conforme consta na denúncia do Ministério Público, os policiais teriam participado da invasão à residência de João Pereira da Silva. Eles teriam ido atrás de drogas e dinheiro.

De acordo com o órgão ministerial, apesar de Joãozinho ter prometido depositar R$ 20 mil na conta corrente de Tiago, que era o comandante do Pelopes de Joaquim Gomes à época, ele resolveu praticar tortura contra todos que estavam em casa. Por fim, Tiago teria dado dois tiros de pistola .357 na cabeça de Joãozinho.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fale conosco

Rua José Pinto de Barros, Nº  26
 Centro
Palmeira dos índios - AL

E-mail: siteagresteagora@gmail.com

linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram