Notícias

TRE do Paraná antecipa julgamento de ações contra Sergio Moro

Por Redação com Metropoles
janeiro 31, 2024

O Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE-PR) antecipou a data do julgamento das ações que podem levar à cassação do mandato do senador Sergio Moro (União-PR). Anteriormente, estava previsto para 19 de fevereiro.

Agora, as ações foram incluídas na pauta da próxima quinta-feira, 8 de fevereiro, em sessão presencial antes do feriado de Carnaval.

As ações, movidas pelo PT e PL, tramitam em conjunto na Corte, uma vez que têm aspectos similares. Os processos podem resultar na cassação do mandato de Moro.

O senador é investigado por suposto abuso de poder econômico na pré-campanha de 2022.

Entenda o caso

O PL e o PT moveram duas ações em que acusam o senador Sergio Moro de abuso de poder econômico no período de pré-campanha, quando ele estudava lançar candidatura ao Palácio do Planalto pelo Podemos, em 2022.

O ex-juiz da Lava Jato se filiou ao Podemos em 2021, mas, próximo ao prazo final para troca partidária, em 2022, vinculou-se ao União Brasil, sigla em que lançou candidatura ao Senado Federal.

PL e PT argumentam que os gastos de pré-campanha destinados ao Planalto seriam “desproporcionais” e “suprimiram as chances dos demais concorrentes” ao Senado no Paraná.

O mandato do atual presidente do TRE-PR, o desembargador Wellington Emanuel Coimbra de Moura, encerra nesta quarta-feira (31/1). O desembargador Sigurd Roberto Bengtsson assume o cargo nesta quinta-feira (1º/2).

Também na quinta, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) vai analisar a lista tríplice para a escolha dos desembargadores que irão julgar o caso de Moro.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fale conosco

Rua José Pinto de Barros, Nº  26
 Centro
Palmeira dos índios - AL

E-mail: siteagresteagora@gmail.com

linkedin facebook pinterest youtube rss twitter instagram facebook-blank rss-blank linkedin-blank pinterest youtube twitter instagram